“A área teve o melhor ano de todos os tempos em termos de resultados econômicos.”

Gilberto Tomazoni (vice-presidente da área de Alimentos & Ingredientes)

Alimentos & Ingredientes 2.2

Qualidade e tradição definem os produtos produzidos e comercializados pela área de Alimentos & Ingredientes. As diversas linhas atendem o consumidor final e o setor de alimentos, como restaurantes, padarias, confeitarias e indústrias. A Bunge é líder nos mercados de margarinas, óleos envasados, farinhas e pré-misturas para panificação.

Para o consumo final, detém as marcas Delícia, Primor Cyclus, Soya, Salada, Andorinha, Cocinero e Soleada para margarinas, maioneses, óleos vegetais, óleos especias, azeites e arrozes. No setor de confeitaria, padaria e refeição, comercializa também farinhas, pré-misturas, gorduras vegetais, chocolates e coberturas, com as marcas Gardina, Ricca, Suprema, Cukin, Primor e Soya; destinadas à indústria especializada estão as marcas Probisc, Promac, Prospecial, Promult e Profry, entre outras.

Marcas consagradas integram o portfólio da Bunge, que é líder nos mercados de margarinas, óleos, farinhas e panificação

O Ano

O ótimo desempenho em 2011, com mudanças de atitude e processos e disseminação dos conceitos de eficiência, foram fundamentais para o crescimento no faturamento do negócio. Em termos de resultados econômicos, foi o melhor ano de todos os tempos da área de Alimentos & Ingredientes, principalmente para a linha de farinhas, um resultado expressivo em consequência do desenvolvimento de produtos cada vez mais práticos e que respondem às necessidades de saudabilidade, como as farinhas integrais.

Eficiência, rentabilidade e crescimento foram os conceitos-chave para o sucesso das operações. Os colaboradores viveram a mudança no processo de gestão para a padronização das melhores práticas, além da busca da excelência pelas áreas industrial, comercial e logística. Isso acabou criando uma área de negócio mais dinâmica, especializada e adequada às necessidades dos clientes e consumidores.

Depois de criar em 2010 quatro novos produtos voltados para os mercados profissional e doméstico, em 2011 a Bunge ganhou ainda mais foco de mercado. Houve um aumento de 50% do número de clientes que compram diretamente, sem usar o canal distribuidor ou atacadista. A equipe de vendas foi treinada e equipada.

A linha de margarinas da área ganhou maior participação no mercado, enquanto a de maionese viveu uma grande revisão, que incluiu o lançamento de uma nova marca para a categoria: Salada.

O ano foi marcado principalmente pela entrada da Bunge no segmento de atomatados, o que fortaleceu o portfólio de produtos de consumo.

Atomatados

Em maio de 2011, a empresa anunciou sua entrada no segmento de atomatados por meio da marca Primor, com atuação destacada nas regiões Norte e Nordeste. Em dezembro, houve a aquisição do negócio de alimentos da Hypermarcas, que engloba as marcas Etti, Salsaretti, Puropurê e Cajamar, além de uma extensa linha de produtos nos segmentos de molhos e extratos de tomate, caldos, molhos, temperos e pratos prontos e instantâneos.

O valor da operação, de R$ 180 milhões, incluiu a aquisição de fábrica na cidade de Araçatuba (SP), onde funciona também o Centro de Distribuição, envolvendo cerca de 250 colaboradores. Por meio dessa operação, a Bunge fortaleceu a estratégia de reforçar sua presença no negócio de alimentos, mercado promissor de extrema importância para o varejo brasileiro.

Ao incorporar marcas fortes e tradicionais nas regiões Sul e Sudeste, como Etti e Salsaretti, a Bunge complementou sua atuação no mercado de atomatados, fortalecendo seu portfólio de produtos de consumo.

A linha de atomatados da Bunge é produzida a partir de tomates plantados com sementes especiais, em plantações totalmente naturais, sem conservantes, monitoradas 24 horas por dia. O molho é encontrado nas opções sachê: tradicional (140 g e 340 g), manjericão (340 g) e pizza (340 g), enquanto o extrato conta com as versões lata (340 g) e vidro (190 g). No mercado de food service os produtos estão à disposição nas versões sachê: molho (4,1 kg), extrato (1 kg e 4,1 kg) e passata (3,1 kg).

O cuidado da Bunge começa antes mesmo do plantio, ao utilizar sementes da mais alta qualidade. As mudas são cuidadosamente monitoradas para garantir irrigação e nutrição na medida certa. O plantio e a colheita são realizados no melhor período do ano (meses de seca) e todos esses processos certificam o crescimento do tomate com mais força e vitalidade, apresentando aos consumidores tomates mais vermelhos, saborosos e consistentes. O acompanhamento atento das lavouras de tomates reduz a utilização de água e defensivos.

Eficiência

A área busca e excelência operacional e de gestão por meio da promoção de programas direcionados e focados.

Programa de Excelência em Operações Bunge (PEOB)

A criação do Comitê de Excelência Operacional tem como meta tornar a Bunge a maior empresa em todos os segmentos de negócios em que atua, buscando a excelência em suas operações e seus negócios, conforme os pilares estratégicos mundiais da companhia.

O comitê é formado pelas principais lideranças da empresa e baseia-se no respeito aos valores da empresa de forma que todos os públicos de relevância com os quais se relaciona sejam atendidos.

Gente Excelente

Cerca de 800 colaboradores e representantes da área Comercial de Alimentos & Ingredientes participaram em 2011 do Gente Excelente, uma nova iniciativa de desenvolvimento profissional. O programa é estruturado em pilares direcionados aos seus diferentes públicos desde o nível do vendedor até o gerencial.

Para viabilizar o alcance de todos os profissionais em nível nacional, 26 gerentes da área Comercial foram escolhidos para atuar como Multiplicadores de Conteúdo, disseminando o conhecimento e facilitando o aprendizado.

Academia Bunge

Projeto da área de Trade Marketing de Food Service em parceria com o Centro de Serviço de Atendimento ao Cliente (SAC), a Academia Bunge foi implantada no primeiro semestre de 2011 para levar conhecimento teórico e prático para aproximadamente 500 colaboradores de todo o Brasil.

Internamente, busca-se capacitar os profissionais da empresa por meio do desenvolvimento de programas, tecnologias, processos e informações, tecnicamente aplicados e comercialmente direcionados. Além de manusear os produtos em uma cozinha industrial, a equipe tem oportunidade de conhecer as características técnicas dos produtos, boas práticas e dicas de utilização que acabam se tornando soluções também para os clientes.

Em 2011, os profissionais da equipe comercial e de trade e marketing participaram do módulo Básico, de dois de Panificação (Intermediário e Avançado) e do curso inédito de Confeitaria. O circuito chegou às cidades de Manaus (AM), Recife (PE), Fortaleza (CE), Rio de Janeiro (RJ), São Paulo (SP), Ponta Grossa (PR), Salvador (BA) e Gaspar (SC).

Em julho foi inaugurada a Academia Master Bunge Rio para os clientes cariocas, no Moinho Fluminense. O espaço está dividido pelas áreas teórica e prática, segmentada em Panificação, Confeitaria e Refeição.

A proposta do projeto da Academia Bunge é montar dez unidades no Brasil até 2015 por meio de parcerias entre a área de Food Service e universidades e cursos de Gastronomia e Panificação, empresas de equipamentos e sócios do segmento profissional.

A matriz da iniciativa é a Academia Centro de Excelência, em São Paulo, no bairro Jabaquara. A estrutura de 700 m² é dividida em segmentos de Panificação, Confeitaria, Refeição, Chocolate e Biblioteca, auditórios e área interna para desenvolvimento e aplicação de receitas e produtos.

Perspectivas 2012

  • Em longo prazo, tornar-se a maior e melhor empresa de alimentos e ingredientes do Brasil.
  • Líder nas categorias em que opera.
  • Marcas admiradas pelos consumidores.
  • Produtos desejados pelos clientes.
  • Time formado pelas melhores pessoas.
  • Ser referência em sustentabilidade. 1.2

↑ topo
BUSCA
Compromisso com o Brasil. Do campo à mesa.
Ícones Sustentabilidade
Representam as dimensões Social,
Ambiental e Econômica das ações
e projetos da Companhia no País.
Saiba mais sobre a Plataforma de
Sustentabilidade Bunge Brasil em
www.bunge.com.br/sustentabilidade.
A Plataforma de
Sustentabilidade é um
esforço global da Bunge
para que o desempenho
nos negócios seja
aprimorado em quatro
frentes principais
Agricultura Sustentável A Bunge está empenhada em sensibilizar e capacitar os produtores rurais para que produzam de modo a diminuir os impactos ambientais e maximizem a eficiência no uso dos recursos naturais finitos.
A Plataforma de
Sustentabilidade é um
esforço global da Bunge
para que o desempenho
nos negócios seja
aprimorado em quatro
frentes principais
Mudanças Climáticas Podem trazer impactos significativos para
a produção de alimentos em todo o
Mundo. Por isso, a Bunge considera
esse um fator-chave para as análises
em Sustentabilidade.
A Plataforma de
Sustentabilidade é um
esforço global da Bunge
para que o desempenho
nos negócios seja
aprimorado em quatro
frentes principais
Dietas Saudáveis Oferta de produtos alimentícios seguros e benéficos à saúde. A Bunge trabalha para identificar as necessidades dos clientes e consumidores e disponibilizar alimentos cada vez melhores no mercado.
A Plataforma de
Sustentabilidade é um
esforço global da Bunge
para que o desempenho
nos negócios seja
aprimorado em quatro
frentes principais
Redução de Resíduos Desenvolvimento de mecanismos e processos para a redução nos processos industriais e ampliação do uso racional da água e outros recursos não renováveis no gerenciamento da eficiência operacional.